Boletim Nº 44, Fevereiro de 2011
 
 
Janeiro de 2011

Lima, Peru
A nova prefeita de Lima participou de uma reunião-almoço: Cidades sem Violência contra mulheres, Cidades Seguras para todas e todos.

Trecho do Flora Tristan Peruvian Women's Center

Segurança Cidadã para Mulheres – México, Colômbia, Argentina e Peru compartilham experiências com sucesso no México, Argentina, Colômbia e Peru sobre segurança cidadã para as mulheres no marco do Programa Regional "Cidades sem violência contra as mulheres, cidades seguras para tod@s", na quarta-feira passada, em 26 de janeiro, o Centro da Mulher Peruana Flora Tristán e ONU Mulheres organizaram uma Reunião-Trabalho com os Funcionários Municipais e a Associação Civil "Cidades sem violência contra as mulheres, cidades seguras para todas e todos".

Mais Informação (em espanhol)


EM BREVE

New York, USA
Comissão da Condição Jurídica e Social da Mulher – Nações Unidas 2011 (UN Commission on the Status of Women 2011)

24 de fevereiro até 4 de março
Com o tópico "Gênero, Educação, Emprego e Ciência e Tecnologia" Na Sede das Nações Unidas será desenvolvida a 55ª Sessão da Comissão da Condição Jurídica e Social da Mulher. O evento terá a participação de representantes dos países membros, agências da ONU e das ONG. A Sessão será realizada de várias atividades, debates e painéis.

De acordo com ela, a Comissão Huairou, uma rede internacional com base em Nova York, especializada em questões de gênero, juntamente com as suas redes membro (Federação de Mulheres Municipalistas da América Latina e do Caribe FEMUM/LAC GROOTS International, International Council of Women Information Center of the Independent Women’s Forum (ICIWF), Rede Mulher e Habitat da América Latina, Women and Cities International, Rede Mulher e Paz) realizaram três fóruns de discussão.

Mais Informação (em espanhol)
Mais Informação (em Inglês)


Novembro de 2010

Nova publicação
Aprender das mulheres para criar cidades inclusivas no gênero

O objetivo desse relatório é o de partilhar os dados recolhidos no primeiro ano do Programa Cidades Inclusivas e Gênero sobre o estado de segurança das mulheres em cada cidade membro (Dar Es Salaam (Tanzânia), Delhi (Índia), Petrozavodsk (Rússia) e Rosário (Argentina)). A informação aqui apresentada dá ao leitor uma visão geral de quais são os problemas de segurança que afetam às mulheres em seu cotidiano e como esses problemas levam à exclusão das mulheres na vida da cidade.

O documento é o resultado de relatórios apresentados por organizações que estão implementando o programa em cada país. Na Argentina, a Rede Mulher e Habitat da América Latina aplicou o programa na cidade de Rosário. O diagnóstico dessa cidade foi apresentado na Terceira Conferência Internacional de Segurança das Mulheres realizada em novembro do ano passado em Nova Deli, na Índia.


Dezembro de 2010

México
Caminhadas de reconhecimento para a segurança das mulheres

Fonte: Coletivo Ciudad y Género

O Coletivo Cidade e Gênero, juntamente com as vizinhas determinadas a transformar seus bairros ou colônias, fizeram caminhadas de reconhecimento para a segurança das mulheres nas cidades de Aguascalientes, Ciudad Juárez, Cumbres de Llano Largo (Acapulco), Ecatepec, Iztapalapa, Morelia, Tijuana e Zapopan.

Vídeo a partir da experiência:


Fevereiro de 2011

V Edição dos Prêmios UIM

Da União Ibero americana de Municipalistas lançou-se um convite para os Prêmios UIM para trabalhos de pesquisa originais e práticas municipais.
Prazo para candidaturas: 15 de Junho.

Mais Informação (em espanhol)


Also:
Access the New Cities, Violence, and Gender Observatory
Access the Women for the City campaign



Este boletim é elaborado pela Área de Difusão da Rede Mulher e Hábitat
9 de Julio 2482 - Tel./ Fax: +54 (351) 489 1313 - Córdoba - Argentina
www.redmujer.org.ar
difusion@ciscsa.org.ar